Conflitos pós-eleição deixam 4 mortos na Venezuela

A violência decorrente da contestada eleição presidencial da Venezuela já deixou quatro mortos, disse a agência de notícias estatal AVN nesta terça-feira.

Reuters

16 de abril de 2013 | 11h32

A agência informou que duas pessoas morreram no Estado de Miranda, que inclui parte de Caracas, uma no Estado de Táchira, na fronteira com a Colômbia, e outra no oeste do Estado de Zulia, depois que confrontos entre apoiadores do governo e oposição se espalharam na segunda-feira.

Herdeiro político de Hugo Chávez, Maduro foi eleito no domingo com 50,7 por cento dos votos, derrotando o candidato da oposição, Henrique Capriles, que obteve 49,1 por cento, uma disputa mais apertada que o previsto.

(Por Andrew Cawhorne)

Tudo o que sabemos sobre:
VENEZUELAELEICAOMORTES*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.