Deslizamento de terra mata ao menos 7 no Equador

Chuvas intensas dos últimos meses foram a causa do acidente, que deixou sob a lama várias casas e parte de uma escola

Efe,

27 de julho de 2011 | 01h24

QUITO - Ao menos sete pessoas, entre elas dois menores, faleceram no Equador por um deslizamento de terra na província de Sucumbíos, uma região de floresta na fronteira com a Colômbia, informou a imprensa local na terça-feira, 26.

 

O acidente ocorreu no povoado de La Fama por volta das 20h45 locais de segunda-feira, quando um barranco veio abaixo e sepultou sete pessoas, entre elas duas meninas, indicou a cadeia estatal "Equador Televisión".

 

As chuvas intensas dos últimos três meses foram a causa do deslizamento, que deixou sob a lama várias casas e parte de uma escola, detalhou o canal privado Ecuavisa.

 

As vítimas fatais são três homens, de 55, 50 e 25 anos de idade, duas mulheres, de 45 e 25 anos, além de duas meninas, de 13 e dois anos, mas u bebê de oito dias foi salvo, ressaltou a emissora privada.

Tudo o que sabemos sobre:
Equadordeslizamentoacidente

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.