Distante das câmeras, Fidel recebe mensagens de aniversário

Trabalhadores, atletas em Pequim e agentes presos nos EUA felicitam ex-presidente cubano por seus 82 anos

Reuters,

13 de agosto de 2008 | 20h24

O ex-presidente cubano Fidel Castro recebeu uma avalanche de mensagens da população cubana nesta quarta-feira, 13, em comemoração ao seu 82.º aniversário. Em Havana, vários cubanos foram às ruas comemorar a data. Fidel não aparece em público desde que adoeceu e deixou o poder, há dois anos. Em fevereiro, foi substituído por seu irmão, Raúl Castro - que ainda o consulta para tomar as principais decisões do Estado.   "Querido comandante: nos sentimos abençoados de ter você conosco em um dia como hoje; de amar a quem continua nos orientando com firmeza e justiça", dizia uma carta assinada simplesmente como "os trabalhadores cubanos", publicada no jornal oficial Granma. Na mensagem, os trabalhadores prometem "seguir adiante" com Raúl Castro e "fazer indestrutível" a revolução.   Os esportistas cubanos que participam dos jogos olímpicos de Pequim também enviaram uma carta. "Você é o diretor da equipe, o gladiador invencível desta imensa obra em que atuou com excepcional estratégia", afirma o texto, publicado em um site oficial de Cuba.   O Granma ainda mostrou três mensagens de agentes cubanos da inteligência presos nos Estados Unidos, sob acusação de espionagem. "De uma prisão do império, com carinho, te digo: 'felicidades!'", escreveu Antonio Guerrero, em uma carta enviada de uma prisão americana no Colorado, onde cumpre pena de prisão perpétua há 10 anos.   Desde 2006, Fidel se manteve ativo escrevendo colunas opinativas sobre questões internacionais e domésticas no jornal oficial cubano. Distante das câmeras, o ex-líder cubano ainda mostra enorme influência como chefe do Partido Comunista.  

Tudo o que sabemos sobre:
CubaFidel Castro

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.