El Salvador declara 'estado de emergência' e confirma 9 mortes

Presidente pediu uma mobilização rápida para conter danos causados pela tempestade

EFE

30 Maio 2010 | 19h04

SAN SALVADOR - O presidente de El Salvador, Mauricio Funes, declarou neste domingo, 30, "estado de emergência" em todo o país por causa das chuvas provocadas pela depressão tropical "Agatha" e confirmou nove mortes.

 

Veja também:

https://www.estadao.com.br/estadao/novo/img/icones/mais_azul.gif Aumenta para 40 o número de mortos na Guatemala

 

"A declaração do alerta (...) ajuda a rápida mobilização de todo o aparelho estatal, para estar completamente à disposição de salvadorenhos e salvadorenhas em situação de risco", declarou Funes.

Mais conteúdo sobre:
Tempestade Agatha El Salvador

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.