Equador recupera peças arqueológicas que estavam na Dinamarca

Segundo a Chancelaria equatoriana, as obras foram retiradas ilegalmente do país há alguns anos

Efe,

10 de junho de 2011 | 01h46

QUITO - A Embaixada do Equador na Suécia recuperou um total de 122 peças arqueológicas que estavam na Dinamarca e que foram retiradas ilegalmente do país há alguns anos, informou na quinta-feira, 9, a Chancelaria equatoriana.

As peças recuperadas são consideradas únicas, detalhou um comunicado oficial, que explica que as obras pertencem às culturas Jama-Coaque, Chorrera, entre outras.

O resgate das peças está envolvido em um processo judicial que foi iniciado em 2006.

Tudo o que sabemos sobre:
equadorpeças arqueológicasdinamarca

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.