Explosão em sede da Pemex mata 1 e fere mais de 20 no México

Uma explosão atingiu a sede da gigante estatal de petróleo mexicana Pemex na Cidade do México nesta quinta-feira, matando uma pessoa, ferindo mais de 20 e causando grandes danos no edifício.

Reuters

31 de janeiro de 2013 | 22h15

Uma autoridade de emergência disse que uma pessoa morreu na explosão e 22 ficaram feridas. Outras quatro pessoas ficaram presas dentro do arranha-céu, disse a autoridade.

O incidente, que segundo a mídia foi causado pela explosão de máquinas, ocorreu no porão, disseram autoridades da emergência.

A Pemex inicialmente disse que o prédio havia sido esvaziado por causa de um problema no fornecimento de eletricidade. Em seguida, afirmou que havia ocorrido uma explosão, sem revelar a causa.

Caminhões dos bombeiros correram para a entrada do edifício e agentes de emergência vestidos com jaquetas de alta visibilidade transportaram os feridos em meio aos destroços espalhados na rua.

Imagens de TV mostraram janelas quebradas e helicópteros sobrevoando o prédio, que não fica muito distante do centro da cidade.

Um porta-voz dos serviços de emergência contou que o gesso do teto do porão caiu e que a situação na torre da Pemex era "delicada".

A Pemex tem sofrido uma série de acidentes letais nos últimos anos. Em setembro, 30 pessoas morreram após uma explosão atingir uma unidade de gás natural da empresa no norte do México.

(Reportagem de Alexandra Alper, Gabriel Stargardter e Liz Diaz)

Tudo o que sabemos sobre:
MEXICOEXPLOSAOPEMEX*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.