Fidel Castro elogia magnata mexicano Carlos Slim

O ex-presidente cubano Fidel Castro descreveu o magnata mexicano Carlos Slim -- o empresário mais rico do planeta, de acordo com a revista Forbes -- como um "homem inteligente".

REUTERS

12 de agosto de 2010 | 16h02

O líder da revolução de Cuba aludiu a Slim em uma coluna extensa sobre o líder oposicionista mexicano Andrés Manuel López Obrador, publicada na quinta-feira no site oficial Cubadeba.cu.

"Não obstante ser o mais rico de todos, com uma fortuna que passa dos 60 bilhões de dólares, ele é um homem inteligente que conhece todos os segredos das bolsas e os mecanismos do sistema capitalista", escreveu Fidel.

Carlos Slim é dono de um império de telecomunicações que se estende dos Estados Unidos à Argentina. Além disso, é importante acionista do New York Times.

"Ele me visitou sempre que fui ao México, e uma vez em Cuba. Me presenteou com um televisor -- o mais moderno da época -- que conservei em minha casa até um ano atrás, apenas", recordou.

"Não o fez com a intenção de me subornar. Eu tampouco nunca lhe pedi favor algum."

Fidel Castro, que completará 84 anos na sexta-feira, dedicou sua coluna a comentar o livro "La mafia que se adueñó de México... y el 2012", de López Obrador.

"Trata-se de uma ousada e irretorquível denúncia da máfia que tomou conta do México", disse o líder cubano.

Mas Fidel lamentou o fato de o livro não denunciar os Estados Unidos como fonte da violência do narcotráfico que abala o México, nem abordar o problema das mudanças climáticas ou o perigo de uma guerra nuclear iminente se, como ele acredita, os Estados Unidos e Israel atacarem o Irã.

"Não obstante, López Obrador será a pessoa com a maior autoridade moral e política do México quando o sistema (capitalista) desabar, e, com ele, o império", escreveu.

(Reportagem de Nelson Acosta)

Tudo o que sabemos sobre:
CUBACASTROCARLOSSLIM*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.