Fujimori é operado pela quarta vez no Peru

O ex-presidente peruano Alberto Fujimori, preso por abusos aos direitos humanos e pai de uma das candidatas à presidência, foi submetido a uma cirurgia para retirar lesões de natureza cancerígena na boca.

REUTERS

21 de fevereiro de 2011 | 18h11

A saúde de Fujimori se deteriorou nos últimos anos. Em 2008 ele passou por duas cirurgias para retirar uma lesão cancerígena da região bucal. Logo depois, a doença foi descartada. O ex-presidente também teve detectado um tumor no pâncreas que não resultou ser maligno.

"Disseram que está tranquilo, ontem (domingo) à noite estava bem humorado. Assim imagino que quando se recuperar da anestesia, vai estar forte como sempre", disse sua filha, a parlamentar Keiko Fujimori, candidata presidencial para as eleições de 10 de abril.

O médico do ex-presidente, Alejandro Aguinaga, disse a jornalistas que a operação para extrair um nódulo teve bons resultados.

Fujimori foi condenado a 25 anos de prisão após ser extraditado do Chile em 2007.

(Reportagem de Patricia Velez e Marco Aquino)

Tudo o que sabemos sobre:
PERUFUJIMORICIRURGIA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.