Governador aliado de Chávez morre em acidente de carro

Willian Lara, governador do Estado venezuelano de Guárico e ex-ministro do presidente Hugo Chávez, morreu quando seu veículo oficial capotou e caiu em um rio na região central do país, informou neste sábado o vice-presidente do Executivo, Elías Jaua.

REUTERS

11 de setembro de 2010 | 14h00

O corpo do governador, que tinha 53 anos, foi encontrado na madrugada deste sábado, após quase 12 horas de buscas no rio, que fica perto de San Juan de los Morros, em Guárico, cerca de 80 quilômetros ao sudoeste de Caracas.

Segundo Jaua, o presidente venezuelano está "como todos consternado pela morte de um amigo, de um irmão, mas também fundamentalmente tem que ser dito, de um braço político da revolução."

Lara foi deputado e presidiu a Assembleia Nacional em 2002, quando Chávez foi afastado por um golpe malsucedido.

"Especialmente recordaremos sempre sua lealdade e valentia naqueles 11, 12 e 13 de abril, quando soube defender a Constituição, a democracia e o mandato do povo", afirmou Jaua à emissora estatal de televisão.

O governador também foi ministro da Comunicação e Informação.

Lara foi ideólogo do Movimento Quinta República e do Partido Socialista Unido da Venezuela, fundado por Chávez para consolidar sua revolução socialista, que no dia 26 enfrentará cruciais eleições legislativas.

(Por Deisy Buitrago)

Tudo o que sabemos sobre:
VENEZUELAGOVERNADORMORRE*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.