Incêndio no noroeste do México afeta mais de mil pessoas

Chamas não estão ligadas ao desastre na Califórina e são provocadas pelos fortes ventos que atingem a região

Efe,

24 de outubro de 2007 | 09h58

Mais de mil pessoas foram desalojadas de 52 ranchos do município de Ensenada, no noroeste do México, devido a um incêndio numa zona rural que já foi controlado e que não está relacionado com o fogo na Califórnia (Estados Unidos), informou uma fonte oficial.   O pior momento foi nas primeiras horas desta terça-feira, no sul de Ensenada, que fica a cerca de 100 quilômetros da fronteira com os Estados Unidos. Foram esvaziadas as casas num raio de 200 hectares, disseram fontes policiais e dos bombeiros. Não houve vítimas, mas vários imóveis sofreram perda total.   O incêndio não é uma propagação dos que ocorrem na Califórnia, e sim uma conseqüência dos ventos "Santana". Com eles, basta um cigarro aceso para incendiar rapidamente a erva seca, já que os ventos alcançam velocidade de até 120 km/h.   Em Ensenada ficam os mais importantes campos agrícolas do estado de Baja Califórnia.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.