Ingrid Betancourt está bem de saúde, diz Sarkozy

Presidente fagradeceu aos colombianos e à toda América Latina pelo empenho na libertação de Ingrid

REUTERS

02 de julho de 2008 | 19h00

A política franco-colombiana Ingrid Betancourt, resgatada em uma ação do governo colombiano nesta quarta-feira, 2, apresenta bom estado de saúde, disse o presidente da França, Nicolas Sarkozy. O governo colombiano anunciou o resgate de Betancourt, três norte-americanos e 11 integrantes do Exército e da polícia que estavam na mãos da Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia.   O drama de Ingrid Por dentro das Farc  Histórico dos conflitos armados na região  "Nos sentimos muito orgulhosos dela e por ela, hoje a alegria é enorme, toda França está feliz", afirmou Sarkozy, que falou ao lado dos filhos de Ingrid em Paris. O presidente francês agradeceu ao povo e o Exército colombiano, o presidente venezuelano Hugo Chávez, a Argentina, e todos os sul-americanos que, em um momento, os ajudaram no resgate. Sarkozy finalizou parabenizando a diplomacia francesa e o governo francês. Os reféns foram libertados em uma audaciosa operação das forças militares colombianas. "A França vai embarcar a família de Ingrid para a Colômbia para que Ingrid possa ver sua família", acrescentou.    

Tudo o que sabemos sobre:
COLOMBIAINGRIDSARKOZY

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.