Irã oferece ajuda à Bolívia para exploração de hidrocarbonetos

Segundo iraniano, cooperação foi criada para que os dois governos não dependam de outros países

Efe,

14 de agosto de 2008 | 01h21

Uma delegação oficial do Irã chegou nesta quarta-feira, 13, à Bolívia e ofereceu à administração de Evo Morales ajuda na prospecção e exploração de hidrocarbonetos, informou a emissora de TV estatal. O assessor presidencial iraniano Mojtaba Samareh-Hashemi, que lidera a delegação, indicou que os dois governos estão negociando a participação do Irã nesses projetos. Veja também:Bolívia estabelece relações diplomáticas com a Líbia Além do setor energético, os dois países desenvolvem projetos conjuntos na agricultura, arroz e fábricas de cimento. Segundo Samareh-Hashemi, a cooperação foi criada para que Irã e Bolívia não dependam de outros países, nem tenham de obedecer às políticas "de outras potências" como os Estados Unidos. Em setembro, o presidente iraniano, Mahmoud Ahmadinejad, visitou a Bolívia e assinou com Morales um plano de cooperação de US$ 1,1 bilhão até 2012.

Tudo o que sabemos sobre:
hidrocarbonetosIrãBolívia

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.