Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Jamaica condena assassino de crianças à morte na forca

Jeffrey Perry foi condenado por matar seus primos - um menino de 15 anos e duas meninas, de 4 e 13 anos

Associated Press,

17 de janeiro de 2009 | 21h13

Um homem julgado culpado pela morte de três crianças na Jamaica foi condenado à morte por enforcamento, na primeira sentença de morte emitida no país desde que o legislativo votou por manter a pena capital.   Jeffrey Perry foi condenado por matar seus primos - um menino de 15 anos e duas meninas, de 4 e 13 anos. O assassino, de 34 anos, disse que uma voz em sua  cabeça ordenou os crimes.   Moradores da área onde o crime ocorreu bateram panelas para celebrar a sentença.    Os legisladores jamaicanos aprovaram em dezembro de 2008, por ampla maioria, a manutenção da pena de morte, em meio a um agravamento da violência e uma série de crimes brutais contra crianças. Mais 1.240 assassinatos foram notificados no ano passado, para uma população de 3 milhões de pessoas.   A data da execução não foi determinada. O último enforcamento da Jamaica ocorreu há 20 anos, em 1988.

Tudo o que sabemos sobre:
pena de mortejamaicaviolência

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.