Federico Rios/REUTEURS
Federico Rios/REUTEURS

Líder do ELN morre em combate com Exército colombiano

Militares conseguiram capturar outros três guerrilheiros durante a operação, realizada perto da fronteira com a Venezuela

EFE, O Estado de S.Paulo

12 de maio de 2019 | 03h30

Adalberto Fuentes Rangel, mais conhecido como Darío, morreu em um combate com as tropas colombianas, segundo informações divulgadas por militares no sábado, 11. Darío era líder da comissão Camilo Cien Fuegos do Exército de Libertação Nacional (ELN).

Na mesma operação, realizada no departamento de Arauca, na fronteira com a Venezuela, outros três guerrilheiros também foram capturados. "Sombra", "Negro" e "Daniel" eram seguranças de Darío e não tiveram seus verdadeiros nomes divulgados. 

A ação militar teve a participação do Exército, Marinha e Força Aérea Colombina (FAC). Foram ampreendidos um fuzil, uma escopeta, duas pistolas, uma mira telescópica noturna, um colete, três equipamentos de campanha e cinco motocicletas nas quais os indivíduos se deslocavam. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.