Maduro assume interinamente; Venezuela convoca eleição em 30 dias

O vice-presidente venezuelano, Nicolás Maduro, assumirá o comando do país interinamente depois da morte do líder Hugo Chávez, enquanto se convoca eleições nos próximos 30 dias, disse nesta terça-feira o chanceler Elías Jaua.

Reuters

05 de março de 2013 | 23h04

"Está muito claramente estabelecido o que acontece, e o que sempre defendemos, agora que se produziu uma ausência absoluta, assume o vice-presidente da República como presidente e se convoca eleições nos próximos 30 dias", disse Jaua em comentários televisionados.

(Reportagem de Patricia Vélez e Mario Naranjo)

Tudo o que sabemos sobre:
VENEZUELAPRESIDENCIAELEICAO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.