Marinha da Colômbia apreende dois submarinos das Farc

Dois submarinos que supostamente seriamusados pela principal guerrilha colombiana para atividades detráfico de drogas foram apreendidos numa zona selvagem dolitoral do Pacífico, informou a Marinha na quarta-feira. A descoberta das embarcações, capazes de transformar até 5toneladas cada, ocorreu no domingo, perto do porto deBuenaventura, Departamento do Valle, por onde passa cerca de 60por cento do comércio internacional colombiano. Os dois submarinos estavam no que a Marinha chamou de"estaleiro artesanal", capaz de fabricar esses artefatos. Segundo a Marinha, o local e os submarinos pertencem àsForças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc), principalguerrilha do país, com cerca de 17 mil combatentes. O grupo é considerado terrorista por Estados Unidos e UniãoEuropéia, e o governo colombiano o acusa de se financiar comrecursos da produção e tráfico de cocaína. Ninguém foi preso na operação, da qual participou também aGuarda Costeira. Desde 2005, a Marinha colombiana confiscou nove submarinosusados no narcotráfico. Os traficantes colombianos adotaram na década de 1990 ospequenos submarinos para levar carregamentos das praias paraoutras embarcações, especialmente no Caribe. Dezenas desubmarinos já foram capturados. (Por Luis Jaime Acosta)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.