McCain felicita governo colombiano pelo sucesso na operação

Candidato republicano à presidencia dos EUA estava sabendo da ação para libertar reféns em poder das Farc

Reuters,

02 de julho de 2008 | 18h51

O candidato republicano à presidência dos Estados Unidos, John McCain, comemorou a libertação nesta quarta-feira, 2, da franco-colombiana Ingrid Bertancourt e de outros 14 reféns que estavam sob poder das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc). McCain soube da libertação de Ingrid, dos três norte-americanos e outros onze militares enquanto para o México. "Os três senadores querem felicitar ao governo colombiano pela êxito na liberação dos reféns", disse o porta-voz de McCain a bordo do avião.  Veja também:Quem são os ex-reféns libertados pelo Exército colombianoEUA elogiam operação de resgateResgate de Ingrid é vital para a paz, diz EvoGoverno espanhol expressa satisfação Parentes de reféns resgatados choram e riemChanceler colombiano se diz emocionado O drama de IngridPor dentro das Farc Histórico dos conflitos armados na região    Um porta-voz disse aos jornalistas, no avião em que o candidato republicano viajava, que na noite de terça-feira, 1º, o presidente da Colômbia, Álvaro Uribe, e o ministro da Defesa colombiano disseram a McCain e a outros dois senadores norte-americanos que haviam planejado a operação para esta quarta. Eles não tinham sido informados sobre a confirmação da libertação antes de partir da Colômbia

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.