Morales celebra projeto de Constituição com desfile em La Paz

Certa de dez mim pessoas, segundo fonte policiais, participaram da manifestação favorável à Carta Magna

Efe, LA PAZ

15 de dezembro de 2007 | 18h25

O presidente da Bolívia, Evo Morales, celebrou neste sábado, 15, com um grande desfile em frente à sede do Palácio do Governo de La Paz a apresentação à população do projeto da Carta Magna com a qual pretende "voltar a fundar" o país. Veja também:  Departamentos bolivianos preparam autonomia e desafiam Evo O evento começou com um desfile que contou com a participação de milhares de integrantes de organizações ligadas a Morales, a maioria formada por camponeses, operários e mineradores, juntamente com membros das Forças Armadas e da polícia. O desfile percorreu a Praça das Armas. Muitos dos que desfilaram como membros de movimentos sociais, que são as bases eleitorais de Morales, usaram trajes típicos, dançaram e tocaram instrumentos tradicionais andinos. Segundo fontes policiais, mais de dez mil pessoas participaram do desfile.Também foi possível ver inúmeros cartazes que faziam alusão aos avanços sociais do projeto constitucional, como o "seguro universal de saúde". No camarote presidencial, estavam junto com Morales o vice-presidente, Álvaro García Linera, ministros e membros da direção da Assembléia Constituinte.O projeto constitucional deverá ser submetido a dois referendos. O texto foi aprovado pelo Movimento Ao Socialismo (MAS) - partido de Morales - e seus aliados no último domingo.No final de novembro, na cidade de Sucre (sul), o MAS, sem a oposição, aprovou em primeira instância o projeto de Carta Magna em um liceu militar, em meio a distúrbios que deixaram três mortos e cerca de 300 feridos

Tudo o que sabemos sobre:
BOLÍCIAEVO MORALES

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.