Na TV, Fidel vai quase às lágrimas ao falar de Chávez

O ex-presidente cubano Fidel Castro parecia abatido e foi quase às lágrimas ao escutar uma canção sobre o falecido líder socialista venezuelano Hugo Chávez, conforme mostrou o noticiário desta quinta-feira da TV estatal de Cuba.

Reuters

11 de abril de 2013 | 19h57

A reportagem especial, com nove minutos de duração, revelou pela primeira vez o impacto que a morte de Chávez, vitimado por um câncer em março, aos 58 anos, teve sobre o veterano Fidel, de 86 anos. Chávez sempre reverenciou o revolucionário cubano como sendo um mentor e um pai político.

Na quarta-feira, Fidel, que deixou formalmente o poder em 2008, participou da inauguração de uma escola, em um dos seus cada vez mais raros eventos públicos. Ele levou as mãos aos olhos, com os lábios trêmulos, e pareceu lutar contra as lágrimas ao escutar a música "O Retorno de Um Amigo", que ele disse ter sido composta e gravada por vários músicos como tributo a Chávez.

"Ninguém acha que ele se foi, ele foi por um momento à missa. Ele vai voltar com Sandino, o Che, Martí e Bolívar", diz a música, referindo-se a revolucionários caros à esquerda latino-americana. O nicaraguense Augusto Sandino, o argentino Ernesto "Che" Guevara, o cubano José Martí e o venezuelano Simón Bolívar.

A reportagem entremeou longas imagens de Fidel em plano próximo e vídeos em que ele aparecia com Chávez.

"Realmente, a canção é bonita", disse o ancião, com voz rouca, a uma classe cheia de alunos, funcionários da escola e autoridades. Alguns presentes choravam.

Durante seus 14 anos como presidente da Venezuela, Chávez contribuiu decisivamente com a economia cubana, fornecendo dinheiro e petróleo em quantidades que ajudaram a ilha comunista a superar a crise provocada pelo fim da União Soviética, em 1991.

Em um texto publicado em 11 de março na imprensa estatal, Fidel já havia dito que a morte de Chávez havia "nos golpeado profundamente". A reportagem televisiva desta quinta-feira mostrou quão profundo foi esse golpe.

(Reportagem de Jeff Franks)

Tudo o que sabemos sobre:
CUBAFIDELCHAVEZ*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.