Mauricio Dueñas/Efe
Mauricio Dueñas/Efe

Nova pesquisa mostra Mockus como vencedor das eleições na Colômbia

Candidato do Partido Verde derrotaria Juan Manuel Santos, que é apoiado pelo presidente Uribe

estadão.com.br

30 de abril de 2010 | 16h34

BOGOTÁ - O candidato do Partido Verde, Antanas Mockus, lidera as pesquisas de intenção de voto para as eleições presidenciais de 30 de maio na Colômbia com 38,7% do apoio dos eleitores, mais de dez pontos à frente de Juan Manuel Santos, candidato da situação. Santos, apoiado pelo presidente Álvaro Uribe, tem 26,7% das intenções de voto, segundo levantamento publicado nesta sexta-feira, 30.

 

O estudo foi divulgado pela edição online do jornal El Tiempo, segundo a agência AFP, e mostra Mockus vencedor também em um eventual segundo turno. O candidato do Partido Verde teria 41,5% dos votos, contra 29% de santos.

 

O cenário apresentado pela pesquisa é bastante provável, já que o terceiro colocado nas pesquisas, a chanceler Noemi Sanín, do partido conservador, aparece bastante atrás de Santos. Ela tem 9,8% das intenções de voto, apesar de fazer parte da coalizão governista, e não deve alterar as projeções de que haja uma segunda rodada entre Mockus e o candidato de Uribe.

 

O levantamento foi realizado entre terça e quinta-feira com 2,225 eleitores em 37 cidades colombianas. A margem de erro é de 2,12% para mais ou para menos.

 

Mockus, de 58 anos, foi prefeito da capital do país, Bogotá, durante os períodos de 1995 a 1997 e de 2001 a 2003. Ele também foi candidato à presidência em 1998, quando o conservador Andrés Pastrana saiu vencedor, e em 2002, quando foi derrotado por Uribe.

 

A pesquisa do jornal El Tiempo, realizada pela Datexco Company S.A. Opinómetro, converge com outros dois levantamentos publicados recentemente na imprensa colombiana. Ambos os estudos apontavam os mesmos candidatos indo para o segundo turno e a vitória final de Mockus.

Tudo o que sabemos sobre:
UribeMockusSantosColômbiaeleições

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.