Novo presidente do Paraguai promete respeito à democracia

O novo presidente do Paraguai, o liberal Federico Franco, prometeu nesta sexta-feira entregar o poder a seu sucessor eleito em agosto de 2013, respeitando a democracia, depois de substituir o socialista Fernando Lugo, que foi destituído pelo Congresso acusado de mau desempenho no cargo.

REUTERS

22 de junho de 2012 | 21h13

Franco, que era vice-presidente, disse também que dará prioridade à ajuda social e buscará usar a abundante energia elétrica que o Paraguai produz para favorecer a industrialização.

"Vamos continuar tudo o que foi feito de bom neste período... vamos dar ênfase especial à industrialização", disse Franco, depois de assumir a Presidência na sede do Congresso, dominado por políticos de direita que desafiaram Lugo.

(Reportagem de Guido Nejamkis, Daniela Desantis e Didier Cristaldo)

Mais conteúdo sobre:
PARAGUAINOVOPRESIDENTE*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.