Obama diz que vai transferir controle na Líbia a aliados em dias

O presidente norte-americano, Barack Obama, disse na segunda-feira que os Estados Unidos esperam transferir a liderança militar na Líbia para outros aliados em questão de dias.

REUTERS

21 de março de 2011 | 16h09

Em entrevista coletiva com o presidente chileno, Sebastián Piñera, Obama afirmou que o objetivo militar na Líbia é proteger os civis dos ataques do líder líbio, Muammar Gaddafi, e não tirá-lo do poder.

Porém, ele disse, a política norte-americana é que Gaddafi "precisa sair".

Quanto à transferência nas operações, Obama disse que "nós prevemos que essa transição aconteça numa questão de dias e não em semanas".

Tudo o que sabemos sobre:
CHILEOBAMALIBIA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.