Alessandro Di Meo/Efe
Alessandro Di Meo/Efe

Papa Bento 16 visitará Cuba de 26 a 28 de março

Visita faz parte de uma viagem que incluirá também o México

REUTERS

02 de janeiro de 2012 | 08h51

HAVANA - O papa Bento 16 visitará Cuba entre os dias 26 e 28 de março e realizará duas missas campais no país, como parte de uma viagem que incluirá também o México.

O pontífice, de 84 anos, chegará a Santiago de Cuba (leste), procedente do México, e deve ser recepcionado pelo presidente Raúl Castro. No dia seguinte, ele segue para Havana, a capital.

Ele celebrará missas campais em grandes praças - ambas chamadas "da Revolução" - nas duas maiores cidades cubanas, e também visitará o mais famoso ícone religioso da ilha, a imagem da Virgem da Caridade, na localidade de El Cobre.

Um dos motivos da viagem é celebrar o 400o aniversário da descoberta da relíquia, que teria sido encontrada boiando por três pescadores em uma baía do leste cubano.

Na sexta-feira, uma réplica da estátua encerrou uma peregrinação de 16 meses em torno da ilha, o que não acontecia desde a década de 1950. A procissão sinaliza melhoras nas relações entre o regime comunista e a Igreja Católica em Cuba.

Essa aproximação começou na década de 1990, ganhou impulso com a visita a Cuba do papa João Paulo 2o, em 1998, e culminou com a mediação eclesiástica em um acordo que levou à libertação de dezenas de presos políticos.

Tudo o que sabemos sobre:
CUBAPAPAVISITA

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.