PDVSA diz que fornecimento de combustíveis é normal após morte de Chávez

A estatal PDVSA afirmou nesta terça-feira que o fornecimento de combustíveis ao mercado interno está sendo feito com normalidade, e que há estoques suficientes para atender à demanda, após a morte do presidente Hugo Chávez.

Reuters

05 de março de 2013 | 21h27

"A PDVSA ratifica a operacionalidade das diferentes refinarias do Sistema Nacional de Refino: Amuay Cardón, El Palito, Puerto La Cruz e Refineria Isla, assim como de toda a estrutura de armazenamento, transporte e distribuição de combustíveis no âmbito nacional", afirmou a estatal em comunicado.

A PDVSA fez um apelo para os usuários para que evitem compras desesperadas.

(Reportagem de Marianna Párraga)

Tudo o que sabemos sobre:
VENEZUELACHAVEZPETROLEO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.