Peça de perfuradora cai dentro de mina com operários presos no Chile

Nenhum dos 33 mineiros ficou ferido; máquina do Plano B teve de interromper trabalhos

Efe,

22 de setembro de 2010 | 17h43

SANTIAGO- Uma peça de uma das três perfuradoras utilizada no resgate dos 33 mineradores presos no norte do Chile se soltou e caiu no interior da mina, mas nenhum dos trabalhadores ficou ferido, informaram nesta quarta-feira, 22, as autoridades locais.

 

Veja também:

especialInfográfico: animação mostra como será o resgate

especialLinha do tempo: os piores acidentes da década

 

O engenheiro André Sougarret, chefe dos trabalhos de resgate, declarou aos jornalistas que o incidente aconteceu nesta madrugada com a máquina T-130, que trabalha no plano B.

 

"Uma das peças se soltou da base e felizmente caiu no buraco inicial. Os mineradores a receberam lá embaixo, mas ninguém se feriu. São fatos imponderáveis que podem acontecer".

 

O incidente obrigou a equipe de resgate a interromper as atividades no momento em que foi alcançado 85 metros da segunda etapa, para ampliar o conduto, mas está previsto que a perfuração seja retomada em breve.

 

A máquina Strata 950, correspondente ao plano A, está a 361 metros de profundidade no diâmetro original, enquanto a RIG-421, do Plano C, foi novamente iniciada nesta quarta-feira após ter sido paralisada momentaneamente.

Tudo o que sabemos sobre:
mineirosminaSan JoséChile

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.