Pequeno avião com 10 passageiros desaparece no sul do Chile

Os trabalhos de busca foram suspensos por causa da escuridão

EFE,

08 de junho de 2008 | 00h44

Um pequeno avião com 10 passageiros desapareceu, neste sábado, no sul do Chile, informou a Força Aérea do país. A aeronave, um Cessna 208 da companhia Patagônia Airlines, pequena companhia aérea regional, com o piloto e nove ocupantes, tinha decolado do aeroporto de Puerto Montt, a 1.000 quilômetros ao sul de Santiago, e se dirigia para a 11ª Região, quando desapareceu dos radares. Os trabalhos de busca foram suspensos por causa da escuridão e devem ser retomados amanhã de manhã, informou o general da Força Aérea, Hugo Peña. O militar disse que o plano de busca prevê que helicópteros e outras aeronaves saiam para percorrer a região entre Puerto Montt e o setor da Junta em Aysén, se as condições meteorológicas permitirem. Vão se juntar ao resgate pilotos particulares do aeroporto La Paloma, que neste sábado à noite se reuniram para coordenar o uso de radares para a busca de emergência. Segundo informações extra-oficiais, o sinal de alerta do avião acidentado estaria ativado. A aeronave aparentemente estaria a poucos quilômetros do setor da junta, mas não se sabe com certeza se esta foi ativada pelo piloto ou se foi ativada automaticamente. Segundo o general Peña, o piloto identificado como Nelson Bahamondes, teria iniciado o vôo com mau tempo.

Mais conteúdo sobre:
desaparecidochileavião

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.