Polícia encontra 24 cadáveres escondidos em fossas no norte do México

Local é usado por crime organizado para ocultar corpos; mais cadáveres podem ser encontrados

AP,

23 de julho de 2010 | 18h03

MONTERREY, MÉXICO- A polícia encontrou sete fossas clandestinas nos arredores de Monterrey, no estado de Nuevo León, usadas pelo crime organizado para ocultar corpos. Elas continham aos menos 24 cadáveres, de acordo com uma fonte da Procuradoria estadual que pediu anonimato.

 

Imagens do canal Milênio mostraram soldados com os rostos cobertos e maquinaria pesada removendo terra no sudeste de Monterrey, cerca de 940 km ao norte da capital mexicana.

 

Novos corpos podem ser encontrados. De acordo com as autoridades, as buscas ainda devem continuar.

 

Segundo a fonte, devido ao estado de decomposição dos cadáveres encontrados, não é possível identificar com clareza se são homens ou mulheres, ou se têm marcas de tortura.

 

A guerra do narcotráfico no México já causou mais de 25.000 mortos desde que o presidente Felipe Calderón assumiu o poder, em 2006, e lançou uma ofensiva conta os cartéis de drogas.

 

O governante afirmou na sexta em um ato oficial que "não há força maior que a do Estado" e que a luta contra o crime organizado será redobrada.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.