Porto Príncipe volta a receber voos comerciais

Aeroporto estava sendo usado há um mês somente para receber voos militares e humanitários

Efe,

19 de fevereiro de 2010 | 18h02

Voo da American Airlines chega de Miami ao aeroporto da capital haitiana. Foto: Andres Martinez

Casares/Efe    

 

PORTO PRÍNCIPE - O aeroporto de Porto Príncipe voltou nesta sexta-feira, 19, a receber voos comerciais, pouco mais de um mês depois do terremoto que matou pelo menos 217 mil pessoas no Haiti.

 

Veja também:

Governo haitiano expropiará terras privadas para desabrigados

ONU pede doação recorde de U$ 1,44 bilhão para o Haiti

 

O primeiro avião a partir para a capital foi da American Airlines, procedente de Miami. A empresa aérea deve oferecer três voos diários diretos sem escalas para o Haiti, todos com saída da Flórida.

 

A American Airlines oferecerá ainda quatro vezes por semana voos para o Haiti a partir do aeroporto internacional John F. Kennedy, em Nova York.

 

Já a American Eagle colocará à disposição voos a partir de San Juan (Porto Rico) depois de 12 de março.

 

Segundo o Escritório Nacional de Aviação Civil do Haiti, as condições ainda não são perfeitas, mas foram feitas operações especiais para permitir o retorno dos voos comerciais.

 

Desde 12 de janeiro, o aeroporto Toussaint Louverture, o único internacional do Haiti, foi usado quase exclusivamente para receber voos militares e humanitários.

 

O controle do tráfego aéreo foi assumido pelo Exército americano após o tremor.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.