Presidente de Venezuela começa visita à China

Hugo Chávez deve acertar venda de petróleo e assinar acordos de cooperação na justiça e nos esportes

Associated Press,

23 de setembro de 2008 | 03h29

O presidente da Venezuela, Hugo Chávez, chegou nesta terça-feira, 23, a Pequim com a intenção de impulsionar as relações com as autoridades comunistas da China através de uma maior venda de petróleo, entre outros projetos.  Chávez, crítico dos Estados Unidos, afirmou que espera concretizar a compra de caça-bombardeiros e o lançamento do primeiro satélite da Venezuela. O presidente venezuelano realizou na segunda-feira uma breve visita a Cuba, a primeira escala de um giro internacional que inclui a Rússia, Portugal e a França. A visita de Chávez à China acontece no meio de um confronto com os Estados Unidos e o envio de uma frota naval da Rússia para realizar manobras conjuntas com a Venezuela. De acordo com a chancelaria chinesa, Chávez deve se reunir com o presidente Hu Jintao para assinar documentos sobre cooperação na justiça, esportes e outros campos.

Tudo o que sabemos sobre:
ChinaVenezuelaHugo Chávez

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.