Jorge Adorno/Reuters
Jorge Adorno/Reuters

Presidente do Paraguai terá segunda sessão de quimioterapia

Fernando Lugo está em tratamento que se estenderá por 4 meses contra câncer linfático

REUTERS

31 de agosto de 2010 | 15h09

O presidente paraguaio, Fernando Lugo, se submeterá na próxima sexta a sua segunda sessão de quimioterapia para tratar um câncer linfático em estado clínico avançado, segundo um comunicado oficial divulgado nesta terça-feira, 31.

O procedimento vai requerer hospitalização de algumas horas e será realizado na clínica particular Migone, de Assunção. A previsão é que o presidente, de 59 anos, permaneça o fim de semana descansando, e que só deva retomar às atividades na segunda-feira.

Lugo começou a quimioterapia há três semanas no Brasil, onde esteve para confirmar o diagnóstico de linfoma no-Hodgkin com envolvimento ósseo, e tem pela frente um tratamento que se estenderá por pelo menos quatro meses.

O comunicado da Presidência diz que não há novidades "no estado geral, assintomático e sem febre" e que estava prevista a realização de um exame de rotina nesta quarta-feira.

Os médicos autorizaram a manutenção de "uma agenda normal, sem restrições extraordinárias", acrescentou a nota.

(Reportagem de Daniela Desantis)

Tudo o que sabemos sobre:
PARAGUAILUGOQUIMIO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.