Presidente haitiano participará de cúpula da Comunidade do Caribe, em Cancún

Cerca de 1,2 milhão de haitianos permanecem nestes acampamentos e 900 mil esperam a chegada de tendas de campanha

EFE

21 de fevereiro de 2010 | 06h28

O presidente do Haiti, René Préval, viajará neste domingo a Cancún, no México, para participar da Caricom, cúpula da Comunidade do Caribe, na qual irá expor a urgência de conseguir refúgio para os milhares de haitianos que vivem ao relento desde o terremoto do dia 12 de janeiro.

 

Préval anunciou em um ato público que transferirá aos líderes com os quais deve se reunir a necessidade de encontrar lugares seguros onde alojar as pessoas que sobrevivem em refúgios improvisados por toda a capital.

 

Cerca de 1,2 milhão de haitianos permanecem nestes acampamentos e 900 mil esperam a chegada de tendas de campanha, disse o líder durante um ato junto à presidente do Chile, Michelle Bachelet, que visitou o Haiti para conhecer a situação do país após o terremoto.

 

Préval lembrou que a próxima chegada das chuvas agravará a situação destas pessoas, por isso pediu "uma grande coalizão de esforços" da comunidade internacional que torne possível solucionar este problema.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.