Preso mexicano acusado por morte de agente dos EUA

A Marinha mexicana anunciou no domingo a prisão de um suposto chefe da quadrilha de traficantes "Zetas", Sergio "El Toto" Mora, sob a acusação de envolvimento com a morte de um agente alfandegário norte-americano neste mês.

REUTERS

28 de fevereiro de 2011 | 09h41

Mora foi preso pela manhã em Saltillo, no norte do país, e levado para a Cidade do México, onde seria interrogado por promotores federais. O suspeito deveria ter sido apresentado à imprensa numa entrevista coletiva na noite de domingo, mas o evento foi cancelado pouco antes da hora marcada.

O agente alfandegário Jaime Zapata morreu e um colega seu ficou ferido no dia 15, ao sofrerem uma emboscada durante o dia

numa rodovia nos arredores de San Luis Potosi. Foi um dos piores ataques a autoridades norte-americanas no México em mais de uma década.

(Reportagem de Robert Campbell)

Tudo o que sabemos sobre:
MEXICOPRESOASSASSINO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.