PRI vence eleição legislativa mexicana, dizem pesquisas

Oito partidos políticos participam do pleito legislativo para renovar os 500 assentos da Câmara

EFE,

05 de julho de 2009 | 23h14

O Partido Revolucionário Institucional (PRI), que esteve no poder no México durante sete décadas até 2000, aparece como vencedor das eleições legislativas, com uma margem de 11 pontos porcentuais sobre o governante Partido Ação Nacional (PAN), segundo pesquisas.

 

O PRI obtém 40% dos votos para deputados federais, o PAN 29%, e o esquerdista Partido da Revolução Democrática (PRD) 14% ou 15%, segundo as pesquisas de boca-de-urna das empresas Gabinete de Comunicación Estratégica (GCE) e Consulta Mitofsky.

 

Oito partidos políticos participam do pleito legislativo para renovar os 500 assentos da Câmara dos Deputados. Os três principais são PAN, PRI e PRD, além do Verde Ecologista (PVEM), do Trabalho (PT), Convergência, Nova Aliança (Panal), e Social-Democrata (PSD).

 

As pesquisas colocam na quarta posição o PVEM, com 5% ou 6% dos eleitores consultados após exercer seu direito ao voto.

 

O Instituto Federal Eleitoral (IFE) começou a divulgar os primeiros resultados através de seu Programa de Resultados Eleitorais Preliminares (Prep), mas somente na quarta-feira termina a apuração dos votos.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.