Quatro policiais da Colômbia morrem em emboscada atribuída às Farc

Ataque foi perpetrado em zona rural do sul do país; armas dos oficiais foram roubadas

Efe,

15 de novembro de 2010 | 22h07

BOGOTÁ- Quatro policiais colombianos morreram nesta segunda-feira, 15, em uma emboscada atribuída a guerrilheiros das Farc, perpretada em uma zona rural do departamento do Valle del Cauca.

 

Veja também:

linkAtaque mata 13 das Farc na Colômbia

 

O ataque ocorreu em um local turístico da cidade Jamundí, ao sul de Cali, capital do departamento. As armas dos policiais foram roubadas.

 

Autoridades acreditam que os autores do atentado pertencem à Frente 30 das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc), que atua na região. Foram enviadas patrulhas militares e policiais para perseguir os rebeldes.

 

Os ataques e emboscadas guerrilheiras perpetradas durante setembro deixaram cerca de 40 policiais e militares mortos, e levaram a ONU a expressar sua preocupação com o aumento das hostilidades na Colômbia.

 

Na sexta passada, o presidente Juan Manuel Santos afirmou que 174 policiais morreram em 2010 na luta contra o terrorismo e o crime comum. Outros 13 permanecem sequestrados pelas guerrilhas.

Tudo o que sabemos sobre:
ColômbiaatentadoemboscadaFarc

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.