Queda de helicóptero militar venezuelano deixa 17 mortos

Dezessete pessoas morreram devido à queda de um helicóptero militar venezuelano que patrulhava uma região montanhosa perto da fronteira com a Colômbia no domingo.

REUTERS

04 de maio de 2009 | 08h52

Um general do Exército, diversos oficiais militares e um civil estão entre os mortos, informou a agência de notícias estatal.

As tentativas das equipes de resgate de removerem os corpos do local da queda no Estado de Táchira, ao sul, foram complicadas pelas fortes chuvas. Não ficou imediatamente claro quais foram as causas do acidente.

A Venezuela tem uma grande e porosa fronteira com a Colômbia que atravessa regiões remotas de floresta e montanha frequentadas por grupos rebeldes e traficantes de drogas.

O país capturou cinco integrantes do grupo rebelde Exército de Libertação Nacional da Colômbia no fim de semana e disse que eles seriam deportados.

(Reportagem de Fabian Cambero)

Tudo o que sabemos sobre:
VENEZUELAHELICOPTEROCAI*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.