Referendos bolivianos obtém apoio superior a 80%

Resultados são indicados por pesquisas; estatutos autônomos de Beni e Pando foram votados no domingo

Efe,

01 de junho de 2008 | 21h39

Os estatutos autonômos de Beni e Pando conseguiram um apoio superior a 80% nos referendos realizados neste domingo, 1, nestes Departamentos (Estados), indicam as pesquisas a boca-de-urna divulgadas por várias emissoras de TV.   Veja também: Duas regiões da Bolívia encerram campanhas para referendos   As pesquisas, divulgadas pelos canais locais PAT, ATB e Unitel, refletem que o estatuto autônomo de Beni teria obtido um apoio de 80% a 89%, enquanto em Pando o texto teria sido apoiado por 82% a 85% dos eleitores.   As regiões de Beni e de Pando, governadas por opositores, realizaram neste domingo referendos para ratificarem seus estatutos de autonomia em consultas que o governo de Evo Morales considera ilegais.   A pesquisa realizada pela emissora ATB indica que o estatuto autônomo de Beni teria sido aprovado por 80,4% dos eleitores, enquanto o de Pando teria recebido o apoio de 82,4%.   Esta pesquisa é a única que ofereceu até o momento estimativas sobre abstenção, que teria sido de 33,9% no caso de Beni e de 43,6 % em Pando.   Já a pesquisa de boca-de-urna da rede Unitel indica que 80% dos eleitores de Beni ratificaram o estatuto de autonomia, enquanto em Pando o apoio ao texto de autogoverno esteria perto de 85%.   Por último, a pesquisa da emissora PAT reflete um apoio de 89% para o estatuto de Beni e de 85% para o de Pando. Os Departamentos buscam a independência do governo central.   Abstenção   O governo de Evo antecipou neste domingo uma "ausência arrasadora" nos referendos autonomistas. O ministro da Presidência, Juan Ramón Quintana, disse que o governo constatou "muito pouca participação da população" nos referendos de Beni e Pando, impulsionados pela oposição autonomista.   Quintana qualificou a falta de participação de "rejeição explícita" aos estatutos autônomos referendados, ao que se referiu como uma "impostura democrática."  

Tudo o que sabemos sobre:
Bolíviareferendo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.