Temporada de frio no México deixa saldo de 31 mortos

13 foram por hipotermia e 18 por intoxicação com monóxido de carbono expelido pelos fornos de carvão

Efe,

26 de janeiro de 2009 | 01h05

As baixas temperaturas registradas no México durante a atual temporada de frio, que começou em outubro do ano passado, deixaram até o momento um saldo de 31 pessoas mortas, informou neste domingo, 25, o Ministério da Saúde do país. O órgão informou que apenas na última semana morreram oito pessoas devido às baixas temperaturas nos estados de Chihuahua, Michoacán e Sonora. Das 31 mortes contabilizadas até agora, 13 foram por hipotermia e 18 por intoxicação com monóxido de carbono expelido pelos fornos de carvão que as pessoas acendem para se aquecer, disse a mesma fonte em comunicado. Os falecimentos, ocorridos entre o dia 9 de outubro e 22 de janeiro, aconteceram nos estados do norte de Chihuahua (10), Durango (4), Baixa Califórnia (3), Sonora (6) e Coahuila (1), assim como nos centrais de San Luis Potosí (2), Hidalgo (2) Puebla (1) e Michoacán (2).

Tudo o que sabemos sobre:
invernoMéxicotemperaturaclima

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.