Reprodução
Reprodução

Terremoto no Chile gera tsunami no Pacífico; Havaí em alerta

Costa de todas as ilhas do Havaí podem sofrer danos. Moradores mostram apreensão no Twitter

EFE,

27 de fevereiro de 2010 | 12h58

Terremoto de 8,8 graus na escala Richter que sacudiu hoje o Chile provocou um tsunami no Oceano Pacífico que chegará ao Havaí pouco depois das 18h de Brasília, informou a Administração Nacional de Atmosfera e Oceanos (NOAA, na sigla em inglês). 

 

  Às 17h15 deste sábado, a expectativa dos havaianos é grande. "Havaí" é um dos tópicos mais postados n Twitter, com usuáros preocupados e assustdos. Usuários também trocam endereços de sites que mostram câmeras ao vivo de praias da região para monitorar os desdobramentos do tsunami. Uma das câmeras, monitora a praia de Waikiki e pode ser acessada aqui.

 

"O tsunami gerado poderá gerar danos no litoral de todas as ilhas do estado do Havaí. Devem ser tomadas medidas urgentes para proteger vidas e as propriedades", disse NOAA em comunicado. 

 

 

Terremoto de magnitude 8,8 atinge Chile

Países da Ásia preparam-se para tsunami após tremor no Chile 

Moradores de São Paulo sentem reflexo do terremoto

Maior terremoto da história ocorreu no Chile em 1960

Lula visita Haiti e diz que situação é 'pior do que imaginava'

 

 

 

Conforme a agência, as primeiras ondas do maremoto chegarão ao arquipélago às 11h19 no horário local (18h19 em Brasília) e prevê que este seja o maior tsunami registrado na região desde 1964.  

 

O tsunami deverá ter uma série de ondas individuais que se manterão entre 5 e 15 minutos antes de chegar a terra e que o perigo pode durar por "muitas horas" com a chegada de ondas sucessivas.   NOAA afirmou que a água poderia se afastar em direção ao interior do mar antes da chegada das ondas, cuja altura não é possível estipular, e alertou que a primeira a tocar a terra provavelmente não será a maior delas.  

 

Todo o litoral das ilhas do Havaí está em perigo, sem importar sua orientação, já que as ondas as circundarão, disse. As autoridades desse estado farão soar as sirenes de alerta às 6h no horário local (13h em Brasília) para alertar da chegada do maremoto e evacuarão os moradores das regiões costeiras.   NOAA emitiu um alerta de tsunami para um ampla área do Pacífico, incluído México, Peru, Equador, Nova Zelândia, Austrália, Rússia, Indonésia, Japão e Filipinas, além disso do Chile.  

 

 O governo chileno ordenou a evacuação dos habitantes das áreas baixas d Ilha de Páscoa, que devem ser as primeiras atingidas golpeadas pelo tsunami.

 

Modificado às 17h45 para inclusão de informações

Tudo o que sabemos sobre:
Terremoto, Chile, Tsunami

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.