Venezuela se frustra por fim da mediação de Chávez com as Farc

A Venezuela expressou frustração nestaquinta-feira pela decisão da Colômbia de encerrar o papel demediador do presidente Hugo Chávez em um acordo humanitáriopela libertação de reféns mantidos pelas Forças ArmadasRevolucionárias da Colômbia (Farc). "A Venezuela aceita esta decisão soberana do governo daColômbia, mas manifesta sua frustração posto que, destamaneira, encerra-se um processo levado com pulso firme em meioa grandes dificuldades, havendo obtido, em apenas três meses,avanços importantes", declarou a chancelaria venezuelana em umcomunicado. (Por Enrique Andrés Pretel)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.