Barack Obama tem 7 pontos de vantagem sobre John McCain

Candidato democrata é o preferido de 50% dos possíveis eleitores contra 43% do republicano

Reuters,

31 de outubro de 2008 | 04h17

O candidato democrata à Presidência dos Estados Unidos, Barack Obama, manteve sua vantagem de sete pontos sobre seu rival republicano, John McCain, nos últimos dias que antecedem as eleições, segundo uma pesquisa Reuters/C-SPAN/Zogby publicada nesta sexta-feira, 31.  Veja também:Pesquisa mostra Obama à frente em quatro Estados-chaveEnquete: Você votaria em McCain ou Obama? Confira os números das pesquisas nos Estados Obama x McCain Entenda o processo eleitoral  Cobertura completa das eleições nos EUA Obama tem 50% de apoio, frente aos 43% de McCain, entre os possíveis eleitores consultados em três dias. A pesquisa feita por telefone tem uma margem de erro de 2,9 pontos porcentuais. "Essencialmente não há diferenças na pesquisa de hoje", disse o pesquisador John Zogby. "Obama se mantém firme e McCain não está avançando", acrescentou. É o segundo dia consecutivo em que o apoio ao senador por Illinois chega a marca dos 50%, e a oitava vez nos últimos dez dias. O apoio para McCain não tem alcançado os 46% em mais de três semanas de pesquisas. O candidato democrata manteve constante sua liderança em vários grupos de eleitores, chegando a ter 15 pontos de vantagem entre os independentes, 9 pontos entre as mulheres, 5 entre os homens e 9 entre os católicos.  Obama lidera ainda em todos os grupos etários e todas as faixas de renda, com exceção dos eleitores que ganham mais de 100 mil dólares. McCain, um ex-piloto da Marinha e prisioneiro da Guerra do Vietnã, fica atrás do democrata entre os eleitores que têm um membro de sua família no Exército. O senador pelo Arizona é o preferido de 26% dos hispânicos, um grupo de rápido crescimento, que em 2004 deram ao presidente George W. Bush mais de 40% dos votos. "Se você fosse John McCain gostaria de ver alguma mudança nesta corrida, mas no momento isto não vem acontecendo", disse Zogby. Obama está à frente de McCain por várias semanas nas pesquisas de opinião nacional, e McCain está em desvantagem em vários estados decisivos como Ohio, Flórida e Pensilvânia. A pesquisa mostra ainda o independente Ralph Nader com 2% e o libertário Bob Barr com 1%. Cerca de 2% dos entrevistados estão indecisos. A sondagem foi realizado de terça-feira até quinta-feira com 1.201 possíveis eleitores.

Tudo o que sabemos sobre:
Barack ObamaJohn McCaineleições EUA

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.