Bloomberg photo by Luke Sharrett
Bloomberg photo by Luke Sharrett

BlackRock publica em seu site questionamentos à indústria de armas dos EUA

A postagem, ação incomum para a BlackRock, indica que algumas gestoras estão aumentando a pressão sobre a indústria de armas de fogo

O Estado de S.Paulo

03 Março 2018 | 10h28

Maior gestora de recursos do mundo, a BlackRock divulgou nesta sexta-feira, 3, em seu site os questionamentos que têm feito a fabricantes e comerciantes de armas, seguindo o movimento de outras companhias após o tiroteio em uma escola na Flórida no mês passado. A postagem, uma ação incomum para a BlackRock, indica que algumas gestoras estão aumentando a pressão sobre a indústria norte-americana de armas de fogo.

As questões postas pela BlackRock abordam temas como os riscos de litígio, a segurança das armas e as verificações do histórico dos compradores. "Nós não podemos ditar o que uma companhia deve fazer", disse a BlackRock no comunicado. A gestora lembrou, porém, que tem o poder de votar contra diretores específicos ou a favor de propostas de acionistas, contrariando a administração.

Na semana passada, a empresa de private equity Blackstone Group L.P. havia pedido a seus fundos detalhamentos sobre propriedades em companhias que fabricam ou vendem armas. A State Street Global Advisors também havia dito que planeja levar suas questões a fabricantes do setor/ Dow Jones Newswires

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.