Campanha de McCain diz que mídia tem 'amor' por Obama

Em e-mail enviado a apoiadores, republicanos fazm piada com 'amor' da imprensa pelo rival

Redação estadao.com.br

22 de julho de 2008 | 16h18

A campanha do senador John McCain, candidato do Partido Republicano à Presidência dos Estados Unidos, enviou nesta terça-feira, 22, um e-mail a seus apoiadores onde diz que a mídia norte-americana tem uma "fascinação bizarra" por seu rival, Barack Obama. Veja também:Assista aos vídeos da campanha de McCainObama e McCain viram hérois em quadrinhos nos EUAObama x McCain Conheça a trajetória dos candidatos Cobertura completa das eleições nos EUA  "Alguns podem até dizer que isto é um caso de amor", diz o e-mail, assinado pela 'equipe de John McCain'.  O e-mail traz ainda um link que direciona o internauta a dois vídeos que denunciam o suposto "caso de amor", que segundo os republicanos, não é nenhum pouco secreto. " Queremos que você seja o juiz e escolha qual vídeo devemos colocar no ar", diz o texto. O vídeo que por enquanto é o preferido dos eleitores do republicano é um que traz imagens de TV com reportagens favoráveis sobre Obama. Há ainda cenas de jornalistas em 'tietagem' com o democrata e até o jornalista Lee Cowan, da NBC, 'confessando' que seus joelhos tremem com Obama. As imagens são acompanhadas pela canção romântica 'Can't Take My Eyes Off You', gravada em 1967 por Frankie Valli.  Ainda nesta segunda-feira, 21, a campanha de McCain afirmou que o republicano teve um artigo de opinião recusado pelo jornal americano The New York Times. O texto seria uma resposta ao artigo publicadopor Obama no diário na semana passada. O argumento do NYT, segundo assessores de McCain, é que o texto não estaria a altura do publicado pelo rival.

Tudo o que sabemos sobre:
McCainObamaeleições nos EUA

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.