Começam as votações das primárias de Iowa

Resultados devem ser divulgados às 2 horas desta sexta-feira em Brasília

Efe,

04 de janeiro de 2008 | 00h11

Milhares de eleitores começaram a comparecer às assembléias de Iowa a partir das 19 horas (23 horas de Brasília) para iniciar a seleção dos candidatos à Presidência dos Estados Unidos pelos partidos Democrata e Republicano, em um ritual que marca o começo da longa campanha eleitoral americana. Veja também:Obama lidera e Hillary é a terceira nas primárias de IowaNa reta final, expectativa cresce  Patrícia: o príncipe e a desolação branca Cobertura completa das eleições nos EUA Entenda como funcionam as prévias de Iowa Conheça os pré-candidatos  Calcula-se que, no total haverá cerca de 3.500 reuniões nos 99 condados de Iowa. No entanto, só cerca de 300 mil pessoas, de um total de 3 milhões de habitantes em todo o estado, participarão do processo. Se as coisas acontecerem como se espera, os resultados são esperados para as 22 horas (2 horas de sexta-feira em Brasília). Em geral, nas últimas décadas, quem ganhou em Iowa também conseguiu a candidatura de seu partido. Mas houve exceções. Em 1988, o democrata Michael Dukakis perdeu em Iowa mas foi indicado pelo partido. Em 1992, Tom Harkin ganhou nos "caucus", mas outro democrata, Bill Clinton, que sequer havia feito campanha no estado, ganhou a candidatura e a Presidência. Entre os republicanos, em 1980 George H. Bush ganhou em Iowa, mas foi Ronald Reagan quem conseguiu a candidatura do partido, para depois derrotar nas eleições o então presidente, o democrata Jimmy Carter. Em 1988, o senador Robert Dole ganhou em Iowa mas a candidatura e a Presidência foi para Bush pai. Devido à percepção política de que os resultados de Iowa são um termômetro da nação, os candidatos dos dois partidos investiram milhões de dólares em campanhas no estado.

Tudo o que sabemos sobre:
Eleições nos EUA

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.