Em Michigan, Romney e Clinton possuem mais delegados

Do lado republicano, o ex-governador de Massachusetts lidera; e do democrata; a senadora de Nova York

Associated Press

16 de janeiro de 2008 | 06h32

Mitt Romney ganhou 23 delegados na primária republicana em Michigan, o que lhe assegurou vantagem entre os pré-candidatos presidenciais republicanos, assinala a análise da Associated Press sobre os resultados das eleições internas.   Os 30 delegados republicanos de Michigan foram divididos. A direção nacional do partido eliminou do estado a metade de seus delegados à convenção nacional por violar as regras do instituto político ao realizar sua primária antes de 5 de fevereiro.   No total, Romney, ex-governador de Massachusetts, possui 42 delegados nas primeiras quatro eleições primárias, seguido de Huckabee com 32 e McCain com 13. São necessários 1.191 delegados para obter a nomeação republicana.   Do lado democrata, lidera a nomeação a senadora Hillary Rodham Clinton com 187 delegados, entre eles os funcionários eleitos em separado e os designados por votação que são conhecidos como superdelegados. Em seguida está o senador Barack Obama, com 89 delegados, e o ex-senador John Edwards, com 50. Um total de 2.025 delegados são necessários para obter a nomeação democrata.

Tudo o que sabemos sobre:
Eleições EUAdelegadosMichigan

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.