EUA se cansaram de superexposição de Obama, diz pesquisa

Sondagem diz que 48% dos americanos ouviram muito sobre democrata; 40% querem saber mais sobre McCain

Ansa,

06 de agosto de 2008 | 18h59

A três meses das eleições presidenciais nos Estados Unidos, 48% dos norte-americanos confessaram estar cansados do candidato democrata Barack Obama, revelou uma pesquisa realizada pelo Pew Research Center. De acordo com o relatório, os cidadãos dos EUA estão ouvindo demais sobre o senador por Illinois, e gostariam de saber mais sobre o seu rival republicano, John McCain.   Veja também: Obama x McCain  Conheça a trajetória dos candidatos Cobertura completa das eleições nos EUA    Apenas 26% dos norte-americanos acham que McCain foi superexposto pela mídia. Apesar de Obama ter aparecido intensamente na imprensa mundial, o efeito sobre a opinião pública foi o oposto ao desejado pela sua campanha.   Segundo a pesquisa, dois terços dos republicanos e metade dos independentes disseram ter ouvido falar pouco do senador do Illinois, assim como um terço dos democratas, um outro dado significativo.   Ao mesmo tempo, 40% dos eleitores lamentam ouvir falar pouco de McCain: metade dos republicanos, 40% dos independentes e um quarto dos democratas gostariam de saber mais sobre o candidato republicano.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.