Furacão Gustav ameaça Convenção Republicana em Minneapolis

Caso ciclone cause danos sérios nos estados do Golfo, governadores podem decidir permanecer em suas regiões

Associated Press, Agência Estado

30 de agosto de 2008 | 21h30

O candidato do Partido Republicano à presidência dos Estados Unidos, John McCain, apresentou sua vice, a governadora do Alasca Sarah Palin, aos eleitores do Estado-chave da Pensilvânia. A previsão é que os dois devem ir juntos para o Estado de Minnesota para a Convenção Nacional do Partido Republicano que repentinamente também ficou ameaçada pelo furacão Gustav.   Veja também: Obama lança campanha e critica escolha de vice de McCain Gustav passa a categoria 4 e Cuba começa a ser evacuada Obama x McCain Entenda o processo eleitoral   Cobertura completa das eleições nos EUA  Os governadores dos Estados do Golfo, incluindo Luisiana e Mississippi podem decidir permanecer em seus Estados se o furacão ameaçar causar danos sérios em suas regiões. A intensidade do Gustav pode afetar também o discurso de abertura do Presidente George W. Bush, na segunda-feira. A previsão é que o Gustav chegue na segunda-feira à tarde ou terça-feira pela manhã na costa da Luisiana.   "Sabemos que a hora não é apropriada para ocasiões festivas por isso estamos monitorando de perto o problema e eu também estou fazendo algumas preces", disse McCain. Bush, um republicano, foi muito criticado pela forma como agiu durante e depois do furacão Katrina que atingiu New Orleans em 2005. O apoiador de McCain, Mark Salter, disse que os trabalhos para a Convenção continuam e que uma possível mudança vai depender de quando e onde a tempestade vai atingir os Estados Unidos. Salter, no entanto, fez questão de afirmar que isso não significa que a Convenção possa ser cancelada.   Mas a intensidade do Gustav pode ameaçar a presença de proeminentes governadores no evento, caso do governador da Luisiana, Bobby Jindal, do Mississippi, Harley Barbour, do Alabama, Bob Riley, do Texas,Rick Perry e da Flórida, Charlie Crist.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.