Hillary Clinton diz que vitórias vão 'recuperar' sua campanha

Senadora democrata exaltou sua vitória em Ohio e disse que estado 'vota como o resto da nação'

Efe,

05 de março de 2008 | 04h04

A senadora democrata Hillary Clinton afirmou na madrugada desta quarta-feira (horário de Brasília) que sua vitória nas primárias de Rhode Island e especialmente de Ohio vão recuperar os Estados Unidos e também sua campanha pela Casa Branca.   Veja também: Hillary vence prévias democratas de Ohio e Rhode Island John McCain consegue a nomeação presidencial republicana Barack Obama tem vitória fácil em Vermont "Exército" luta por Barack Obama em Ohio Confira a disputa em cada Estado Conheça a trajetória dos candidatos Cobertura completa das eleições nos EUA     "Este estado sabe como escolher um presidente", disse Hillary em Ohio, local onde a ex-primeira-dama quebrou uma seqüência de doze derrotas em prévias contra seu adversário, o senador Barack Obama.   "Como vota Ohio, vota o resto da nação. Precisamos de um candidato que ganhe em estados-chave como Ohio", afirmou a ex-primeira-dama, que deixou claro que não vai abandonar a corrida presidencial, apesar da pressão de certos setores do partido.   "Ohio escreveu um novo capítulo na história desta campanha, e isto está apenas começando", assegurou.   Acompanhada por sua filha, Chelsea, Hillary disse que esta "era uma grande noite", mas afirmou que os tempos que os Estados Unidos enfrentam são "desafiantes".   A senadora por Nova York lembrou que o país está imerso em duas guerras, Iraque e Afeganistão, que existe a possibilidade de uma recessão econômica, e se perguntou em voz alta quem tem a experiência e está pronto para liderar o país desde o primeiro dia que entrar na Casa Branca.   Além disso, parabenizou John McCain pela vitória no lado republicano e afirmou que espera continuar em "uma intensa campanha" pela Presidência.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.