Hillary Clinton passa Barack Obama no Texas e empata em Ohio

Senadora precisa vencer nos dois Estados que realizam prévias nesta terça para permanecer na disputa

Reuters,

04 de março de 2008 | 11h14

Hillary Clinton passou novamente à frente de Barack Obama na última pesquisa antes da prévia eleitoral do Texas, que acontece nesta terça-feira, 4, e está empatada com ele em Ohio, segundo pesquisa Reuters/C-SPAN/Houston Chronicle. Hillary precisa de vitórias expressivas nesses dois Estados para manter as chances de ser indicada candidata democrata à Casa Branca. Obama vem de 11 vitórias consecutivas nas prévias eleitorais do partido.   Veja também: Texas e Ohio decidem futuro de Hillary Clinton "Exército" luta por Barack Obama em Ohio Confira a disputa em cada Estado Conheça a trajetória dos candidatos Cobertura completa das eleições nos EUA    No Texas, a senadora lidera por 47-44%, revertendo a vantagem de 3 pontos que Obama tinha na segunda-feira. Em ambos os casos, configura-se empate técnico, pois a margem de erro é de 3,4 pontos percentuais. Em Ohio, a pesquisa do instituto Zogby International indica empate em 44-44%. Na véspera, Obama liderava por 2 pontos percentuais.   Hillary passou os últimos dias questionando a capacidade de seu adversário em chefiar o país numa época de guerra e sua honestidade ao prometer renegociar o impopular Acordo de Livre Comércio da América do Norte (Nafta), visto em Ohio como responsável pela perda de empregos industriais. Esses argumentos aparentemente ajudaram Hillary a conquistar eleitores homens, particularmente brancos e hispânicos. Segundo o estatístico John Zogby, a folgada maioria de Obama entre os homens sumiu.   "Parece que o argumento a respeito da força e as dúvidas levantadas a respeito de Obama estão dando resultados", disse Zogby. Em ambos os Estados, subiu também o número de indecisos em relação a segunda-feira - de 6 para 8% em Ohio, de 6 para 7 no Texas. "O crescimento dos indecisos é todo à custa de Obama," disse Zogby. "Há mais dúvidas a respeito dele agora."   Hillary mantém sua boa votação entre mulheres e idosos. No Texas, tem ampla liderança entre os hispânicos, que formam um eleitorado importante. Ela também vai bem entre católicos e entre trabalhadores de baixa renda em Ohio. No Texas, a liderança dela se deve a eleitores que fizeram sua decisão nos últimos dias. "Parece que a onda está virando para o lado dela, mas ainda está muito apertado", disse Zogby.   Corrida republicana   Entre os republicanos, John McCain tem vantagens expressivas sobre Mike Huckabee nos dois Estados. Duas vitórias o deixariam muito perto dos 1.191 delegados necessários para assegurar a candidatura na convenção nacional republicana de setembro.   Em Ohio, McCain tem 59% das intenções de voto, contra 29% de Huckabee e 5% do deputado Ron Paul. No Texas, o senador lidera com 57%, contra 29% de Huckabee e 6% de Paul. A pesquisa dita "rotativa" foi realizada de sábado a segunda-feira. Foram ouvidos 828 prováveis eleitores democratas em Ohio e 855 no Texas (margem de erro de 3,4 pontos percentuais em ambos os casos).   Entre os republicanos, foram entrevistados 712 prováveis eleitores em Ohio (margem de erro de 3,7 pontos) e 704 no Texas (margem de erro: 3,4). Uma pesquisa rotativa usa amostragens de vários dias consecutivos, mas a cada dia as entrevistas mais antigas são substituídas por novas, o que permite detectar tendências.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.