Hillary e McCain mantêm favoritismo antes da Superterça

No dia 5 de fevereiro, acontecem as primárias em mais de 20 dos 50 estados dos EUA

Efe,

01 de fevereiro de 2008 | 01h20

Os pré-candidatos à Presidência dos Estados Unidos John McCain, do Partido Republicano, e Hillary Clinton, do Partido Democrata, mantêm sua liderança faltando poucos dias para as primárias da próxima terça-feira, revelou nesta quinta-feira, 31, uma pesquisa do instituto Gallup. Veja também:Cobertura completa das eleições nos EUAEspecial eleições americanas Segundo a pesquisa, McCain aumentou sua vantagem para 15 pontos porcentuais sobre seu mais próximo rival, o ex-governador de Massachusetts Mitt Romney. A enquete, realizada entre a segunda-feira e a quarta-feira, indicou que o senador do Arizona conta com o apoio de 37% dos republicanos em todo o país, contra 22% de Romney. Mike Huckabee, ex-governador de Arkansas, ocupa o terceiro lugar, com 17% das intenções de voto. Em uma pesquisa anterior realizada pelo Gallup, a vantagem de McCain era de 32% contra 21%. No lado democrata, a senadora de Nova York Hillary Clinton manteve sua vantagem sobre seu principal rival, o senador por Illinois Barack Obama, que parece ter recuperado terreno. A pesquisa indica que em nível nacional Hillary conta com um apoio de 43%, contra 39% para Obama. Essa vantagem de quatro pontos percentuais é a menor desde o começo de janeiro, e é uma continuação dos avanços conseguidos por Obama nas últimas semanas, disse o Gallup. O instituto acrescentou que ainda não está claro qual será o efeito entre os democratas da decisão do senador John Edwards de abandonar na quarta-feira sua luta pela candidatura presidencial. A disputa pelas candidaturas dos partidos terá uma virtual decisão na próxima terça-feira, quando acontecem primárias em mais de 20 dos 50 estados do país.

Tudo o que sabemos sobre:
eleições nos EUA

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.