Hillary fica em terceiro e enaltece participação democrata

Senadora diz estar preparada para o resto da campanha e prevê vitória democrata em novembro

Associated Press,

04 de janeiro de 2008 | 02h36

A senadora Hillary Clinton diminuiu a importância de sua terceira colocação nas assembléias partidárias de Iowa ao destacar que foi uma "grande noite para os democratas". Ela disse que a grande concorrência pode resultar na eleição de um presidente democrata em novembro. Hillary disse ainda que seguirá "disputando com todas as nossas forças".  Veja também:Obama e Huckabee saem na frente na sucessão de BushPatrícia: o príncipe e a desolação branca Cobertura completa das eleições nos EUA Entenda como funcionam as prévias de Iowa Conheça os pré-candidatos  A ex-primeira dama, que chegou a ter uma grande vantagem nas pesquisas, felicitou o ganhador das assembléias, senador Barack Obama, e o segundo colocado, o ex-senador John Edwards. Com os aplausos de seus apoiadores, prometeu levar "este entusiasmo e viajar esta noite para New Hampshire", que realiza suas primárias em 8 de janeiro. Acompanhada por seu marido o ex-presidente Bill Clinton, a filha do casal Chelsea e a ex-secretária de Estado Madeleine Albright, Hillary disse estar "muito preparada para o resto da campanha". "Esta é uma grande noite para os democratas. Vimos uma participação sem precedentes aqui em Iowa e é uma boa notícia porque hoje enviamos uma mensagem clara que teremos mudanças. A mudança será um presidente democrata na Casa Branca em 2009", disse a senadora. As projeções indicam a participação de 220.588 democratas. Em 2004 foram 124 mil. A participação republicana também aumentou, mas foi a metade da democrata. Barack Obama obteve 38% dos votos democratas; Edwards, 30% e Hillary, 29%. Já no Partido Republicano, a vantagem foi maior. Huckabee conseguiu 34% contra Mitt Romney. Fred Thompson e John McCain empataram em terceiro lugar, com 13% dos votos.

Tudo o que sabemos sobre:
eleições nos EUA

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.